Mulher é internada para tirar glândula da virilha e é submetida a laqueadura

Uma paciente de 46 anos denunciou na polícia um erro médico na Santa Casa de São José do Rio Preto (SP) depois de passar por uma cirurgia para a retirada de uma glândula na virilha. Além do procedimento, o médico acabou fazendo por engano uma laqueadura, cirurgia para evitar gravidez.

O encaminhamento da ginecologista da dona de casa Maria Aparecida de Oliveira Galhardo confirma o pedido da retirada da glândula de Bartholin, que fica na região da virilha. O caso foi em junho, mas foi denunciado para a polícia nesta semana.

Solicitação da médica foi para retirada de uma glândula da paciente da Santa Casa de Rio Preto (SP) — Foto: R

"Fui fazer a retirada de glândula, o médico disse que era simples. Depois, ainda no centro cirúrgico, ele perguntou se eu tinha filha. Então disse que houve erro médico com uma laqueadura", afirma.
Além da cirurgia errada, Maria Aparecida teve complicações e começou a sentir dores. Ela precisou passar por outra operação, mas até ser internada novamente na Santa Casa ela diz que teve dificuldades.

Documento comprova que paciente passou por laqueadura não solicitada em Rio Preto (SP) 

A paciente teve dificuldade para o atendimento no hospital e dificuldade com relação ao INSS", afirma a advogada de Maria Aparecida, Anna Flávia Guimarães.

A Polícia Civil instaurou um inquérito para apurar uma possível lesão corporal e negligência médica. "O inquérito já foi instaurado e com o pedido de perícia, vamos ouvir a vítima, os médicos e apurar o que realmente aconteceu", explica o delegado Paulo Sumariva.

A TV TEM foi até a Santa Casa na manhã desta quarta-feira (10), mas o provedor não foi encontrado. Por telefone, ele disse que o hospital está apurando o caso e que se se for comprovado o erro médico, os responsáveis serão punidos.

Fonte:G1.com

Compartilhe

Participe

Carregando...

Buscar

Compartilhe